Morangos, Receitas, Sobremesas
Leave a comment

Tartes de quê?! Morango e… Ruibarbo!

Tartes de Morangos e Ruibarbo

Estas Tartes de Morango e Ruibarbo parecem deliciosas?! E se lhe dissermos que são mesmo? E de que maneira… Com recheio de morango e ruibarbo só podia! Rui-bar-bo?! Nunca tinha ouvido falar deste vegetal? Sabemos que tem um nome estranho… Mas que já não lhe vai sair do ouvido! O ruibarbo é semelhante ao aipo e o seu talo de tom rosa é comestível. Normalmente é utilizado em receitas de sobremesa e a mais conhecida é tipicamente britânica: o crumble de ruibarbo. Mas bom bom, é a receita que lhe sugerimos!

Se tentar dar uma trinca no ruibarbo ainda cru, não vai gostar nada do sabor… Digamos que vai ser mau… Horrível até! Pode consumi-lo como fruta sim, mas cozido e sempre bem juntinho a outros ingredientes… Numa tarte por exemplo! Nesta tarte… Que vai aprender a fazer! Qual o nível de dificuldade? Fácil! Já sabe que tudo o que fazemos é a pensar em si! Não existe qualquer margem para erro… Sai sempre bem!

Vai receber os seus amigos para uma animada conversa num sábado à tarde? E não consegue chegar a nenhuma conclusão do que pode fazer para lhes arrancar um “Uau”?! Se morangos é uma boa ideia – quem não gosta? -, ruibarbo é escandalosamente uma excelente ideia! Quando provarem as tartes vão ficar rendidos… E quando lhes disser que tem ruibarbo vão certamente torcer o nariz! E perguntar “Rui quê?!”… “Barbos” vai dizer bem alto! Primeiro estranha-se… Depois… Adora-se!

Tartes de Morango e Ruibarbo

Número de pessoas: 4 a 6
Tempo de Preparação: 60 min
Dificuldade:Fácil

Ingredientes
Para massa
250 gr Farinha
150 gr Manteiga
100 gr Açúcar
1 Ovo
Sal fino

Para recheio
5 Hastes de Ruibarbo
250 gr Morango
100 gr Açúcar
10 gr Maizena

Preparação
1. Pré-aqueça o forno a 180ºC.
2. Numa tigela coloque a manteiga (temperatura ambiente) e o açúcar, junte a farinha peneirada, o ovo e o sal.
3. Amasse bem e tape com um pano ou película, reserve no frigorifico.
4. Lamine as hastes do ruibarbo em 3 cm e os morangos cortados em 4. Coloque numa caçarola e leve ao lume com o açúcar, a farinha maizena e 100 ml de água. Após 5 min de fervura o recheio estará pronto.
5. Tire a massa do frio, guarde um pouco da massa e use a restante para estender e forrar a tarteira, com um garfo pique o fundo e o lado.
6. Verta o recheio na tarteira. Com o restante da massa, corte tiras de 2 cm de largura e o comprimento da tarteira, entrelace umas com as outras.
7. Coloque no forno durante 20 min até observar que a massa esta cozida.
8. Para finalizar, sirva com um pouco de açúcar em pó.

….

Texto: Cátia Tavares
Receita: Filipa Antunes
Fotografia e Styling: Cristina Vaz

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>