Food Styling, Outros Sabores
comments 2

Food Styling, porque os olhos também comem

PannaCotta

A nossa Fotógrafa e Food Stylist, Cristina Vaz, foi entrevistada para a revista Sábado esta semana…Por isso decidimos falar sobre este tema que suscita tanta curiosidade!
A Panna Cotta vai com certeza ficar famosa!

Depois de algumas horas a tentar fotografar uma Panna Cotta, e sem muito sucesso, olhei para o lado e vi uma taça ideal para o efeito. Virei-a ao contrário e voilá!… Com uns frutos vermelhos por cima vai ficar perfeita.” E nós achamos a ideia fantástica, verdade?! Afinal o que parece ser para comer, nem sempre é comestível! Saiba que esta situação aconteceu nos primeiros tempos do trabalho enquanto Food Stylist… Foi a partir daqui que todos os truques começaram a contar! E agora pergunta… Mas há mais?! Claro que sim… Isto é Food Styling!

Webdesigner de profissão, Cristina tinha um enorme fascínio pela comida e pelos detalhes… E a grande paixão pela fotografia fê-la mudar radicalmente de percurso! Tirou um curso profissional no IPF do Porto (Instituto Português de Fotografia do Porto) e começou a fotografar comida. Contudo, não existe em Portugal qualquer formação de Food Styling, por isso tudo o que aprendeu foi adquirido com a experiência de muito trabalho, muita pesquisa visual e por ter frequentado alguns workshops fora do país, nomeadamente em Terragona, Espanha, por altura do Food Festival que acontece de dois em dois anos… E na Califórnia, com alguns profissionais da área.

Não existe uma loja onde compramos os nossos instrumentos e tudo o que utilizamos são coisas que temos em casa. Cotonetes, pincéis, agulhas, palitos, pinças e outros mais exóticos como gel para fixar próteses, para poder fixar alimentos molhados ou tampões higiénicos para fazer fumo num prato quente. Ou ainda a tão famosa glicerina, para o efeito fresco de uma cerveja. Depois existem obviamente os gelados e o gelo falso que nunca derretem”.
Apostamos que não imaginava que funcionava assim…

Mas afinal o que é ser Food Stylist? É preparar os alimentos para que se tornem visualmente atraentes. A finalidade? Criar uma imagem fotográfica ou filme, transmitindo por meio destas imagens o sabor e a sua textura… Imagens que façam realmente salivar!

Um Food Stylist tem de dominar todas as características dos alimentos, ou seja, aqueles que escurecem depressa como as maçãs descascadas ou os que derretem num piscar de olhos. O Food Stylist tem ainda de ter a técnica de valorização de um prato durante a sua montagem… Falamos de decoração! Para isso é necessário ter em conta os pratos, têxteis, talheres, fundos, toalhas e copos… Tudo com o objectivo de criar um ambiente fantástico para o alimento que se quer “vender”! Tem de ficar verdadeiramente irresistível!

Cristina considera que “é fundamental gostar do que fazemos… Este é um trabalho de muita paciência e delicadeza. Todos os detalhes são extremanente importantes quando estamos a criar uma imagem apetitosa, porque o sabor e o cheiro não estão lá… E então temos a obrigação de enaltecer a comida. Mesmo que não seja bonita temos que a fazer parecer bonita, porque o mais importante é que os olhos também comem e isso é meio caminho andado para que todos a queiram provar!”.
Os olhos comem?! Se comem! Já está outra vez a salivar?

Fotografia da Cristina: Gustavo Figueiredo
Fotografia da Panna Cotta: Cristina Vaz

2 Comments

  1. Angela Mourão says

    Muito bonita a foto, Panna Cotta linda e uma mulher que faz um trabalho maravilhoso….como eu gostava de ver os meus cozinhados fotografados por ela….parabéns Cristina!

Responder a Cristina Vaz Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>