Cascais, Comer Fora, Grande Lisboa, Restaurantes
Leave a comment

Café Galeria House of Wonders

Tudo começou há 4 anos atrás quando Anna Catharina, natural da Holanda, decidiu mostrar o seu amor por Portugal criando a casa com mais essência de Cascais.
O Café Galeria House of Wonders nasce com o objectivo de marcar a diferença, tendo começado apenas com um dos quatro pisos hoje existentes.
Um café, onde as pessoas pudessem confraternizar, trocar ideias e partilhar, acima de tudo partilhar, esse é o conceito presente em tudo o que acontece aqui. Mas já lá vamos…

A visita guiada começou pela galeria, e a primeira sensação foi… Hum… mas que cheiro é este?
“É pão chapati que fazemos durante todo o dia, neste forno.” Uau, um forno de ferro fundido mesmo no meio da galeria!!! Introdução fantástica não acham?

A segunda sensação é visual, as cores, a decoração, os pormenores… Sentimo-nos em casa… Um lugar dedicado à tertúlia inspirado pela cultura Africana, onde há concertos, workshops, exposições e eventos específicos, como festas de aniversário e babyshowers.

No piso acima chegamos ao café, onde mais uma vez os nossos sentidos são completamente activados, na tentativa de absorver tudo que se passa ao nosso redor. Frutas, frutas e mais frutas, todas elas com as suas cores e cheiros distintos, empilhadas em caixotes, prontas para serem transformadas em fresquíssimos sumos… Um balcão… Uma mesa repleta de bolos… Cada um com a sua particularidade, glúten free, vegan, raw… Há-os para todos os gostos e feitios.

Mais um lance de escadas e chegamos ao terraço, onde a vista para o mar e disposição solar é magnífica! Mesmo sendo Inverno, este espaço convida a ficar e, quase consigo ouvir as conversas partilhadas nos puffs coloridos que aqui flutuam.

Chegou a hora de conhecer o restaurante e, confesso, estava ansiosa!

Como seria de esperar, somos inundados por uma paleta de cores em forma de alimentos, onde os pratos frios formam uma pintura, distribuídos na mesa central, que convida à prova.
Prontamente nos explicam que a cozinha vegetariana praticada é definida como “Middle Terranean” e, nasce da fusão entre a gastronomia do Médio Oriente com a Mediterrânea.
Os pratos servidos variam todos os dias consoante a inspiração dos chefs, provenientes dos 5 cantos do Mundo e, dos produtos disponíveis no mercado.

É aqui que o termo Mezze passa a fazer parte do nosso vocabulário e, a partilha, que falei no início, se torna mais evidente. É um conceito muito comum nos países do Médio Oriente e Mediterrâneo e, por Mezze, entende-se pequenas porções para partilhar, feitas com ingredientes saudáveis, com o intuito de serem saboreadas ao pormenor. A ideia é não misturar paladares, e sim degustar todos os diferentes pratos individualmente.

Podemos escolher a Mezze Frio, a Mezze Quente ou a Mezze para partilhar que combina as duas primeiras.
Há sumos de fruta feitos na hora, chás de ervas ou vinho biológico e, para terminar em beleza um doce e duas colheres.

HouseofWonders1

Chegou a hora de finalmente provarmos o chapati, cujo cheiro nos ficou na memória (lembram-se?!), e apreciarmos o doce de tomate, pêra e gengibre que o acompanha.

Na Mezze Frio temos um variado leque de opções, entre elas, baba ganoush, falafel, abóbora com especiarias, batata-doce laranja, misturas das mais diversas cores e sabores, desde o mais picante ao mais fresco, do mais simples ao mais complexo.
A Mezze Quente é uma trilogia onde estão presentes pratos como lasanha de alho francês, cogumelos em molho roquefort, creme de beringela com especiarias e sementes, e arroz basmati on the side.

Se ainda conseguir, e acredite que vai valer a pena, prove as sobremesas. Não há palavras que descrevam a frescura, sabor e textura da sobremesa especial, composta por uma base de frutos secos e coco, uma primeira camada feita com abacate e um creme saborosíssimo de manga por cima… Divinal!

Somos tratados como amigos e, sentimo-nos contagiados com a energia que emana da multiculturalidade deste projeto, em constante desenvolvimento.

É impossível sair desta casa sem um sorriso nos lábios!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *