Receitas, Saladas
Leave a comment

Salada crua com molho de Maracujá

O maracujá não agrada a todos, mas não podemos deixar de concordar que: o maracujá cheira muito bem, está carregado de nutrientes, cresce numa trepadeira que dá umas flores lindas e é um fruto exótico que ajuda a compor qualquer prato, cocktail ou sobremesa.
A salada vive dos sabores intensos e variados dos vários ingredientes, os ácidos trocam olhares com os doces, os salgados marcam lugar de destaque, aproveitam e fazem-se acompanhar pelo azeite. Vencedores desta valsa? Os crus. As texturas são mais intensas e tudo tem um reconhecível sabor ao mastigar. Seja como for, “todos ao molho e fé em Deus”, resultaria num bom nome para esta salada. Perfeito acompanhamento para um prato consistente ou numa refeição leve, esta é uma deliciosa salada de maracujá.

Ingredientes para 2 pessoas
1/4 courgette
uma mão cheia de espinafres
4 morangos
1 maracujá
1/2 limão (pequeno)
sal marinho a gosto (para o molho e para a courgete)
1 colher de sopa de azeite
1 colher de café de mostarda biológica
1 colher de chá de mel (opcional)
para decoração: sementes de sésamo (pretas ou brancas), cebola roxa, rama da cebola (pode ser substituída por salsa ou coentros, rebentos de alfafa e coentros.

Preparação
1. Comece por preparar o molho.
Abrir o maracujá, retirar o interior para um recipiente.
Misturar a mostarda, o sal, o azeite e metade do sumo de limão.
Para quem gosta de mel, a combinação no molho é deliciosa!
2.Cortar a courgete em fatias muito finas (usar a mandolina, descascador de cenoura ou uma faca afiada).
Marinar durante 2/4 minutos em sal e o restante sumo de limão.
3.Colocar as folhas de espinafre num prato, de seguida a courgete marinada e os morangos cortados.
4.Decorar com os rebentos, a cebola e as sementes.

Nota: Os rebentos (ou germinados) estão à venda em lojas de produtos biológicos. Pessoalmente faço o processo em casa, é simples, mais económico e bonito de observar.

….
Receita: Cláudia Soares
Produção: Filipa Antunes
Fotografia e Styling: Cristina Vaz

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *